Periodontologia, Cirurgia Oral e de Implantes

Uma das especialidades da nossa clínica dentária é a cirurgia oral e reabilitação através de implantes, ambas usadas no tratamento de doenças que afetam o periodonto. Estas doenças são estudadas por um ramo da medicina dentária, a periodontologia, que, antes de tudo, deve ser explicada.

O que é a Periodontologia?

A periodontologia é, como referido anteriormente, um dos ramos de especialização da medicina dentária. Este ramo preocupa-se, essencialmente, com o diagnóstico, prevenção e tratamento de doenças que afetem o periodonto, também conhecido por um grande número de tecidos unidos que incluem a gengiva, o osso e o ligamento periodontal. Todo o conjunto tem a função de deixar o dente saudável e, neste caso, firme ao maxilar.

Essas doenças podem ser divididas em dois grupos, a gengivite e a periodontite. Na primeira existe uma acumulação crescente de bactérias que irão provocar uma inflamação e sangramento gengival. A segunda trata-se de um estado mais grave da primeira e ocorre, normalmente, quando a gengivite não é diagnosticada ou tratada dentro do tempo. Esta não se foca, apenas, no tecido gengival, mas também em outros tecido e no osso.

periodontologia-Cirurgia-Oral-Implantes

O que provoca as doenças periodontais?

As doenças periodontais são, resumindo, as doenças estudadas pela periodontologia. Mas, afinal, o que provoca este tipo de doenças? A resposta é bastante simples, a acumulação de bactérias nos tecidos da nossa cavidade oral.

Comportamentos tão básicos como uma má higiene oral é o suficiente para que seja criada uma placa bacteriana e tártaro.  Embora isso possa criar outros problemas, só por si não provoca a doença mais grave referida acima. Para a criar é necessário que todas essas bactérias se coloquem entre a gengiva e o dente, sendo que esse é o momento em que a inflamação é originada e, consequentemente, o momento em que ocorrerá destruição dos tecidos que têm como função suportar a dentição.

Tratamento dos dois tipos de doenças

O tratamento varia de acordo com o enquadramento nas duas doenças referidas acima, a gengivite e a periodontite. Segue-se o tratamento padrão para cada uma das duas.

  • Gengivite: O tratamento para a gengivite consiste, basicamente, em remover toda a placa bacteriana que se foi formando, assim como tártaro que se acumulou. Neste estágio da doença aprende-se a fazer uma higiene oral correta.
  • Periodontite: Neste segundo caso o tratamento é outro, pois o objetivo não se baseia na limpeza, mas sim em parar a progressão da doença, ou seja, eliminar totalmente a infeção. Nos casos mais complexos desta doença é necessário recorrer a cirurgias para que se exponha a zona infetada e, consequentemente, se possa fazer uma limpeza adequada e eficaz.

Após o tratamento o problema tem que ser evitado e, para tal, o doente terá que manter a sua higiene oral saudável, assim como fazer visitas regulares ao seu dentista.

estética-dentária-carie

Reabilitação dentária através de implantes

No entanto, por vezes, o problema é mais complexo e vai além do procedimento descrito acima. Nesses casos mais complexos é necessário recorrer à remoção dentária. Aquando a remoção, muitos problemas começam a surgir, tanto a nível de adaptação como a nível estético e, para que a pessoa se sinta bem, passamos à reabilitação dentária por meio de implantes.

Para começar, antes de proceder à reabilitação por meio de implantes, deve-se fazer o tratamento da doença, pois a realização da reabilitação sem o tratamento pode levar à perda de implantes em fases iniciais. Seguidamente, quando for possível fazer a reabilitação, essa será feita com todos os cuidados necessários.

No final terá a função recuperada, assim como a estética da sua cavidade oral.

Caso tenha ficado com algumas dúvidas acerca do assunto ou queira marcar uma consulta, entre em contacto connosco.